sábado, 14 de abril de 2012

Teu Corpo



Em ti estou
Em ti eu ando
Em ti eu sou
Pássaro livre esvoaçando
Por ti navego
Nestas linhas
Escrevo
Ao correr da pena
Poema cego
Que verso faz
De mim me afasta
A mim te traz
Em ti estou indo
Em ti me sinto
Na paixão
Que em teu corpo
Vou descobrindo
Nos sentidos
Em que me envolves
Leves brisas
Que me enleiam
Sonhos
Nas frescas brumas
De ti me chegam
.
Foto driver

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores