sábado, 12 de maio de 2012

Palavras


Palavras
São nadas
Ditos em frases dispersas
Na poeira das ideias
Por ventos passageiros levadas
Em gritos sussurradas
Nos sentidos
Em que são ditas
Fáceis, leves, ligeiras
Alegres, tristes, brejeiras
Fugas de nós
De outrem
De alguém
Sem saber de onde
De quê
Ou de quem
Sílabas em conjunto
De correta gramatical dita, escrita
Quão fácil é dizê-las, escrevê-las
Difícil, senti-las, sofrê-las
No falar
Sem um som articular
Tudo dizer
No silêncio de um olhar.
.
foto : dariano

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores