domingo, 28 de maio de 2017

Drible


Finta a vida

Dribla a sorte

Por alvas serras

De ideias manhosas

Em galinheiro de pensamentos guarda raposas

Caçando almas desamparadas

Falhas de fé

Sonhos amputados

Hábil a esgrimir

Armas de bem falar

Sapiente no saber dizer

Em momento certo

O que querem ouvir

Joga os dados

Driblando sortes

Fintando vidas

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores