segunda-feira, 15 de junho de 2015

são

                                     
                             
   Nascem
No vazio da alma sentido
São
Sonhos da vida
Sonhos de alguém
Bussola
De cardeais pontos
Guiando caminhos
Procurando sonhos
Aqui e além
De amores encontrados
Teus
De alguém
Nos atalhos
Dos amores desencontrados
Onde estão
Os sonhos que morreram
Por onde vagueiam
Novos sonhos que nasceram

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores