sexta-feira, 24 de abril de 2015

Mar

Ira Zhuyka Dzhul


O mar é lindo
N’ele estou indo
P’ra lá do vento
P’ralém do mar
Vou navegando
Em pensamento
Mar sereno
Mar revolto
Fonte de vida
É,
Como mulher
Fria e fingida
Quando se agita
Em suas ondas
Se torna gigante
A cada momento
A vida nos leva
Como uma amante
Nas ondas do mar
Quais braços da vida
Eu estou indo
Porque, como o amor
O mar é lindo

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores