quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Parto

Willem Haenraets
.
Sobra o tempo
Cresce a vontade
De saber por onde ir
Olha-se a rua curiosa
Onde luta um povo
Ao sabor frio de cinzentos dias
O inverno anunciando
Trazendo a vida dorida
São as dores do parto
De um povo a parir
Um país a ser destruído
Por quem não é bom filho
De uma Nação
Que levou séculos a construir
.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores